Grupo Parlamentar do Partido Social Democrata
Facebook Twitter YouTube Sapo Vídeos Flickr instagram
Home Agenda Actualidade Deputados Direcção Galeria Contactos RSS
Plenário/Audiências/Comunicação Social/Comissões
Notícias/Plenário/Comissões
Por nome/Por comissão/Por círculo
Presidente/Direcção
Vídeos/Fotografias
OPINIÃO / As Primeiras Damas Algarvias
Depois de ter assistido, in loco, à homenagem que a “Associação 25 de Abril” prestou às “Mulheres da República”, parece-me oportuno observar as esposas dos ex-Presidentes e do actual Presidente da República Portuguesa do “Pós 25 de Abril”. Ora, três das quatro mulheres que exerceram ou exercem a difícil função de Primeiras-Damas são algarvias.

Com recurso ao site de Genealogia do Algarve, vejamos: Maria de Jesus Simões Barroso, filha de Alfredo José Barroso, de Alvor e de Maria da Encarnação Simões, nasceu na Fuzeta, no concelho de Olhão. Foi actriz, deputada à Assembleia da República, pelos círculos de Santarém, Porto e Faro até 1982. Já antes da Revolução dos Cravos, fora deputada pela Oposição Democrática, em 1969. Enquanto Primeira-Dama, afirmou-se na defesa do sentido de família, interveio nos países de língua portuguesa e presidiu à Cruz Vermelha Portuguesa.

Maria José Rodrigues Ritta, filha de José António Ritta, industrial em Vila Real de Santo António e de Maria José Rodrigues Xavier, nasceu em Lisboa. Cresceu e estudou no Algarve, primeiro em Vila Real de Santo António e depois em Faro, no Colégio de Nossa Senhora do Alto. Trinta anos depois de ter entrado na TAP, deixou a sua carreira profissional e dedicou-se a tempo inteiro ao papel de “colaboradora número um do Presidente”, como sempre se considerou. Os direitos da criança, a terceira idade, a pobreza e a pessoa com deficiência são alguns dos temas que lhe são caros.

Maria Alves da Silva, filha de Francisco dos Santos Silva e Adelina de Jesus Pincho, nasceu em São Bartolomeu de Messines, no concelho de Silves. Professora do ensino secundário e superior. É licenciada em Filologia Germânica pela Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa. Tal como a sua antecessora, na sua agenda de actividades destacam-se os desafios que as famílias e os jovens enfrentam no mundo actual e as novas exigências em matéria de acção social, nomeadamente, dos jovens, crianças e pessoas portadoras de deficiência.

Não se ficam por aqui as ilustres filhas do “Reino dos Algarves”. As costelas algarvias saíram de portas lusas e Maria Margarida Pinto Ribeiro de Sousa Uva, filha de Luís Fernando Bravo de Sousa Uva, médico, natural de Faro, e de Maria Suzana Teixeira de Azevedo Pinto Ribeiro, de Tavira, nasceu em Lisboa, casou com o actual Presidente da Comissão Europeia. Faz parte da Comissão de Honra da Child Focus, uma ONG internacional que combate o tráfico e exploração sexual de crianças. É presidente honorária da associação de doentes portadores de Fibromialgia e Fadiga Crónica e acompanha, regularmente, o marido nos eventos oficiais.

Muitas mulheres têm contribuído e dignificado o Estado de Direito Democrático, mas é com muita alegria que vejo entre elas, quatro algarvias e destas, duas do PSD. Há quatro “Primeiras-Damas“ Algarvias, após a revolução, três da República Portuguesa e uma à escala europeia. Como algarvia que sou, registo o meu primeiro 25 de Abril, na qualidade de Deputada da Nação, e dedico-o às minhas conterrâneas que têm estado ao lado dos nossos Homens de Estado. Bem-haja a Liberdade!

Antonieta Guerreiro

29-04-2010 Partilhar Recomendar
30-05-2019
Governo arrastou o SNS para uma “cruel desumanização”
    Cristóvão Norte enumerou um conjunto de consequências da “terrível provação” a que o governo dotou o SNS.
27-02-2019
Cristóvão Norte desafia Ministra da Saúde a dar resposta aos problemas dos algarvios
    Caso contrário, o parlamentar entende que o nome da Ministra passará de Temido para “temida”.
08-02-2019
Nacional 125: apesar dos anúncios e promessas do Ministro Pedro Marques, obra continua por fazer
    Cristóvão Norte recordou que o Ministro “anunciou as obras em 2016, insistiu em 2017 e jurou em 2018.”
31-01-2019
Programa Nacional de Investimentos 2030: Algarve volta a ter más notícias
    José Carlos Barros considerou “insultuosa” a ausência da região algarvia do plano para a ferrovia.
28-11-2018
José Carlos Barros contesta falta de investimento para o Algarve
    O deputado colocou em evidência o desfasamento entre o que é anunciado na região e o que está previsto no Orçamento.
18-05-2018
Cristóvão Norte defende a realização de uma avaliação ao contrato de prospeção e exploração de petróleo de 2007
    O deputado referiu que este é o único contrato que até hoje não foi avaliado.
18-05-2018
Prospeção de petróleo: PS tem proclamado uma coisa e praticado o seu contrário
    José Carlos Barros denunciou a “falta de rigor, transparência e a displicência que têm caracterizado este processo”.
13-03-2018
PSD recomenda uma atuação de emergência na orla costeira do Algarve
    Os sociais-democratas exigem uma inventariação urgente das situações de risco no litoral algarvio.
21-12-2017
“Processo de transição para uma economia verde não pode deixar de ser uma prioridade das políticas de ambiente”
    No debate sobre prospeção de hidrocarbonetos, José Carlos Barros lembrou que o Parlamento aprovou a iniciativa do PSD que visa a elaboração de um Livro Verde sobre este tipo de prospeções.
22-11-2017
Autarquias: o governo descentralizou despesas e centralizou receitas
    De acordo com Berta Cabral o executivo incumpre a Lei das Finanças Locais em 74 milhões de euros.
Seguinte Último
Galeria Vídeos
Galeria Fotos
Intranet GPPSD
Dossiers Temáticos
Canal Parlamento
Agenda
Newsletter
Submeta a sua Notícia
Links
Partido Social Democrata
Instituto Francisco Sá Carneiro
Grupo Europeu PSD
Juventude Social Democrata
Trabalhadores Social Democratas